O comportamento de compra durante e pós pandemia

A pandemia COVID-19 mudou o mundo, em todos os âmbitos. As pessoas estão vivendo de maneira diferente, comprando de maneira diferente, pensando de forma diferente. 

Muitos varejistas estão fechando portas e, para isso não acontecer, é preciso se reinventar. Os consumidores em todo o mundo estão olhando para produtos e marcas através de um novo olhar.

O vírus está remodelando o comércio em tempo real, acelerando rapidamente as tendências. Novos hábitos formados agora irão perdurar para além da crise, mudando permanentemente o que compramos, vivemos e trabalhamos.

É importante entender o que está mudando para saber que caminho seguir para ter bons resultados na sua loja de roupas. Conheça como está sendo o comportamento de consumo das pessoas durante a pandemia e as principais mudanças para o futuro!

 

Novas demandas de consumo

Os fatores que influenciam as decisões de compra estão mudando com a pandemia. A tendência de “comprar localmente” se acelera, o comércio digital tem um aumento significativo.

Sem dúvidas, uma das maiores demandas que surgiram com a pandemia foi a procura por roupas mais confortáveis, devido ao tempo em casa e até trabalhando em home office.

©Jonas Leupe

A casa agora é vista como refúgio. Os consumidores estão buscando produtos duráveis, de qualidade, fáceis de lavar e que tragam conforto para trabalhar e passar tempo em casa.

Além de confortáveis, as roupas precisam ter informação de moda. A roupa para ficar em casa é cada vez mais importante, que pode ser usada tanto em casa, quanto para sair. As peças que trazem modelagens elaboradas, apelo de moda e que, mesmo assim, geram conforto, são as que os consumidores vão buscar neste momento.

O fator preço continua sendo importante, principalmente em meio à crise econômica, porém os cliente estão dispostos a pagarem mais por itens que vão trazer conforto e que vão durar muito tempo, facilitando o dia a dia.

O mix de produtos da sua loja deve ser repensado exatamente para isso. Produtos com boas modelagens e detalhes interessantes, com tecidos mais naturais e sempre trazendo o conforto em primeiro lugar.

 

Comportamento de compra mais consciente

Em tempos como estes, os consumidores estão focando em segurança, saúde (física e mental) e em novos hábitos de consumo. As prioridades dos consumidores vem mudando, eles estão mais atentos ao que estão comprando. 

©Charles Etoroma

As pessoas estão se esforçando para limitar o desperdício de alimentos, fazer compras mais conscientes, comprar só o necessário e também opções mais sustentáveis. 

As lojas e marcas precisarão fazer disso uma parte importante de sua oferta (por exemplo, explorando novos modelos de negócios). É preciso que você traga informações de consumo consciente para o seu consumidor, que mostre o valor agregado das peças, que mostre a versatilidade dos produtos, a durabilidade e qualidade dos tecidos.

Seu cliente tem cada vez mais informação, está cada vez mais consciente e é preciso que você seja transparente e traga produtos que realmente façam a diferença na vida daquele consumidor.

Mais do que nunca, é preciso trazer produtos de qualidade para a sua loja. Há 30 anos no mercado, o Grupo Elian traz extrema qualidade em seus produtos. Invista nas marcas Elian, Colorittá, Marialícia e Maelle! Faça seu pedido agora pela nossa loja online exclusiva para lojas – o Venda Mais!

 

As pessoas vão consumir mais quando isso tudo passar?

O setor de varejo passou por grandes mudanças no passado, mas as preferências do consumidor e os padrões de compra nunca mudaram tão rapidamente. Hoje, todos se perguntam: como será a moda pós-pandemia?

Em resposta à COVID-19, os consumidores estão mudando a forma como vivem e trabalham. E o que e como eles compram. 

©Ian Deng

Acredita-se que algumas dessas mudanças fundamentais terão efeitos duradouros no comportamento de compra do consumidor. As atitudes, comportamentos e hábitos de compra dos consumidores estão mudando – e muitas dessas novas formas permanecerão pós-pandemia.

Embora as compras atualmente se concentrem nas necessidades mais básicas, as pessoas estão comprando com mais consciência, comprando localmente e abraçando o comércio digital.

Com o isolamento, os consumidores estão usando o digital para se conectar, aprender e se divertir – e continuarão usando.

No futuro, veremos um aumento na força de trabalho virtual à medida que mais pessoas trabalham em casa e gostam de fazê-lo.

Além disso, os varejistas precisam construir a confiança dos consumidores e uma das principais mudanças pós-COVID será a implementação de medidas visíveis de segurança e higiene para funcionários e clientes nas lojas.

A tendência é que o consumo por itens não-essenciais tenha um aumento conforme o passar do tempo, porém uma coisa é certa: seus consumidores terão mais consciente e irão pensar um pouco mais antes de realizarem uma compra.

Seu papel como lojista é, então, encontrar novas formas de vender já pensando nesse novo cliente e neste “novo normal”.

Que mudanças você já percebeu no comportamento de consumo dos seus clientes? Compartilhe com a gente!

 

Julia Zamoner

Escrito por Julia Zamoner

Formada em Relações Públicas. Atua com Trade Marketing e Eventos há mais de 12 anos e é apaixonada por varejo e comportamento do Shopper. Atua no Grupo Elian auxiliando varejistas de moda a venderem mais com as marcas Elian, Colorittá, Marialícia e Maelle.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *