Notice: Trying to access array offset on value of type null in /home/u676208330/domains/grupoelian.com/public_html/crescercom/wp-content/plugins/cta/classes/class.cta.render.php on line 492

Retomada Econômica: como vender mais

O setor de moda foi um dos mais impactados desde o início da pandemia do coronavírus. As lojas tiveram que fechar suas lojas físicas por grandes períodos, mudar sua estratégia de vendas, migrar para o online.

Tudo isso trouxe muita frustração, prejuízos e também preocupação para os varejistas que tentavam, a cada dia, manter seus negócios de pé.

Mesmo ainda em pandemia, o avanço da vacinação no Brasil vem trazendo esperança e perceptível retomada no consumo da população brasileira. Mas, como estar alinhado a esse novo momento e criar estratégias certeiras para a retomada econômica? Confira agora, no Crescer com Elian, dicas de como correr atrás do prejuízo e vender mais!

 

E as projeções: como estão?

Apesar das ainda existentes preocupações com a pandemia de COVID-10, as principais atividades econômicas do Brasil caminham para a recuperação, segundo a Opep (Organização dos Países Exportadores de Petróleo). A partir de relatório divulgado, elevou-se a previsão para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil em 2021 de 3,2% para 4,2%. Para 2022, a estimativa de expansão da economia brasileira continua em 2,5%.

©Tech Daily

Porém, mesmo com a imunização trazendo ótimos resultados – tanto para o setor da saúde, quanto para o econômico – um fator que ainda preocupa muito os economistas é a inflação, já que alta nos preços ameaça a recuperação econômica no curto prazo. A expectativa é que a inflação retome os níveis pré-pandêmicos em 2022, mas ainda existem muitas incertezas principalmente devido à possibilidade de variantes da doença e de a vacinação ainda não estar totalmente disseminada para toda a população.

 

Um passo de cada vez

A pandemia transformou o mundo e, com isso, a forma como é feito o marketing e divulgação não só do varejo, mas de todo tipo de serviço e produto. A ordem da vez é, então, seguir um passo de cada vez para não tomar atitudes precipitadas.

A digitalização das campanhas e das vendas trouxe consumo uma aceleração nas campanhas de marketing. Estratégias que antes podiam ser planejadas para até 12 meses perdem valia e deverão caminhar de acordo com o comportamento de consumo do consumidor.

No momento de crise, os consumidores estão buscando por segurança e conforto, o que indica um cuidado ainda maior com atendimento, praticidade de venda (compra online e mala de produtos levados em casa, por exemplo) e também na reputação do seu negócio, principalmente com produtos duráveis, de qualidade e que também tenham preocupação com o meio ambiente.

©Anna Dziubinska

Também é preciso construir uma comunicação voltada para a autenticidade, se comunicar com seu público de forma genuína, mostrar quem sua loja é de verdade e no que ela acredita.

Confira 4 segredos dos grandes e-commerces que farão você vender mais! 

A construção de uma equipe de vendas totalmente qualificada se mostra um ponto de aplicação. Profissionais que sejam motivados e que tenham argumentos de vendas realmente válidos (como conhecer a fundo o produto que está vendendo) será indispensável para lojas que querem bons resultados.

 

Como alavancar as vendas na prática

Um ponto importante a se levar em consideração é se você ainda está se comunicando de maneira certa com seu público. Com a migração para as redes sociais, lojas virtuais e as vendas online, muitas lojas tiveram uma mudança significativa de público. Mesmo assim, muitas delas ainda continuam se comunicando para o perfil de cliente que tinham antes da pandemia, o que pode gerar poucos resultados nas estratégias de marketing. Assim, é crucial que os lojistas façam uma nova análise da buyer persona para se comunicar com o cliente certo!

©Sahin Sezer

É nítido que focar em experiência do consumidor é essencial para o momento. Os clientes estão mais exigentes, além de mais conscientes e preocupados com o próprio dinheiro, por isso, traga atrativos e experiências de compras únicas, que farão com que os mesmos se sintam valorizados na sua loja. 

O atendimento ao consumidor é outro ponto de atenção. Tanto na venda, como no pós-venda, ter um atendimento rápido e efetivo é um divisor de águas para as lojas que querem fidelizar os clientes a longo prazo.

Isso quer dizer que o varejo digital e as vendas online perderão sua força após a pandemia? Muito pelo contrário! Cada vez mais será necessário que as suas redes sociais sejam um complemento da sua loja física. Nesse sentido, trabalhar o omnichannel no seu negócio é uma abordagem de vendas necessária para continuar vendendo mais e melhor. Faça das suas plataformas digitais uma verdadeira vitrine da sua loja e tenha resultados ainda melhores!

E você? Está pensando em novas estratégias para a retomada da economia? Compartilhe com a gente!

 

Escrito por Grupo Elian

Há quase 03 décadas vestindo crianças, adolescentes e adultos com roupas de qualidade, estilo e muito conforto. O Grupo Elian é responsável pelas marcas Elian, Elian Beats, Colorittá e Marialicia, presente em todo o Brasil e também no exterior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *